E-mail  |  Cadastro   |  Login   |  Mapa do Site  |  Home
Busca
Biointeratividade > Discussão por email > Discussão
Discussão  Voltar

Selecione uma das categorias abaixo para navegar pela Lista de Discussão
por E-mail Riscobiologico.org:




Legislação e normatizações

Bom dia colegas,
Trabalho em um hospital do estado de pequeno porte
Estou tentando sensibilizar os funcionários quanto a NR32
Tenho casos quanto ao uso de bermudas, bonés, calçados abertos em todos os setores
Poderiam me auxiliar em algo ou alguma estratégia que deu certo?
Obrigada
Adrielly Amorim
Enfermeira CCIH
Hospital Regional de Guaraqueçba

-------------------------------------------------------
O conteúdo das mensagens é de inteira responsabilidade do autor do e-mail.

 


Enviada por Adrielly Amorim, em 19/01/2017


Legislação - NR32 (1)

[ Riscobiologico.org - Diferentes emails foram agrupados nesta mensagem. ]

 

Bom dia, Adrielly

Acredito que primeiro é necessário que você sensibilize os gestores das áreas sobre a importância das determinações da NR 32.

Não se trata apenas de mais uma norma chata a seguir, é uma resolução que fala da segurança no próprio ambiente de trabalho.

Acho a sensibilização dos gestores fundamentais porque eles serão os modelos dos colaboradores.

A seguir, acho importante você treinar e sensibilizar os colaboradores, de preferência por área, exemplificando os riscos aos quais eles estão expostos no ambiente de trabalho e muitas vezes nem percebem.

Feito isso, seu trabalho vai ser essencialmente fiscalizatório, daí a importância de adesão e seguimento das orientações pelos gestores.

Espero ter ajudado

Atenciosamente,

André Ferreira
Enfermeiro
Especialista em Gestão em
[ + ] Exibir tudo


Respondida por Vários autores, em 20/01/2017


Legislação - NR32 (2)

polemica sobre a lavagem de sapatos dos colaboradores
Estamos com uma polemica no hospital sobre a limpeza de sapatos usados pelo trabalhador nas áreas de atendimento
Há uma discussão sobre a necessidade de encaminhar os sapatos para a lavanderia terceirizada sempre que este colaborador estiver de folga e no retorno imediato ao trabalho apanhar de volta nos postos de trabalho
A dúvida é: - Pela NR 32 as Roupas usadas no hospital precisam ser lavadas , mas também os sapatos ? Não encontrei referencias sobre o tema
Raquel


Respondida por Raquel, em 17/02/2017


Legislação - NR32 (3)

[ Riscobiologico.org - Diferentes emails foram agrupados nesta mensagem. ]

Bom dia!
Entendo que somente as vestimentas privativas utilizadas na UTI / Centro Cirúrgico (mais conhecidos como pijamas) devem ser de responsabilidade do empregador. Os demais itens como jaleco, calça, calçados são dai responsabilidade do funcionário manter limpo.

Att,

Juliano Martins dos Santos
Engenheiro Eletricista
Engenheiro de Segurança do Trabalho


.........................

Bom dia Raquel.
Segundo NR 32:
32.3.9.4.2 O vestiário deve dispor de:
32.3.9.4.3 Devem ser elaborados manuais de procedimentos relativos a limpeza, descontaminação e desinfecção de todas as áreas, incluindo superfícies, instalações, equipamentos, mobiliário, vestimentas, EPI e materiais.
No caso dos calçados, já existem no mercado, calçados auto-claváveis ou mesmo os que podem tranquilamente ir na lavadora normal,
[ + ] Exibir tudo


Respondida por Vários autores, em 20/02/2017


Legislação - NR32 (4)

Bom dia Raquel.

Na verdade a NR 32 fala das Roupas do Centro Cirúrgico e Obstétricos. porém segundo a NR 06 todo equipamento de proteção individual a higienização é responsabilidade do empregador. segue o texto abaixo.

6.6.1 Cabe ao empregador quanto ao EPI :
2
a) adquirir o adequado ao risco de cada atividade;
b) exigir seu uso;
c) fornecer ao trabalhador somente o aprovado pelo órgão nacional competente em matéria de segurança e saúde no
trabalho;
d) orientar e treinar o trabalhador sobre o uso adequado, guarda e conservação;
e) substituir imediatamente, quando danificado ou extraviado;
f) responsabilizar-se pela higienização e manutenção periódica; e,
g) comunicar ao MTE qualquer irregularidade observada.
h) registrar o seu fornecimento ao trabalhador, podendo ser adotados livros,
[ + ] Exibir tudo


Respondida por Saulo Henrique, em 21/02/2017


Legislação - NR32 (5)

[ Riscobiologico.org - Diferentes emails foram agrupados nesta mensagem. ]

 

Pessoal,

Quais os riscos para o trabalhador ou para os pacientes dos sapatos do trabalhador e o porquê da necessidade de higienizá-los ?

Não há indicação.

Ana Paula

 

.........................

 

Bom dia,

Vale salientar que a higienização se dá pelo empregador para aqueles EPI´s que tem o caráter de ser reutilizável pelo empregado, tais como:

Cintos de Segurança, linhas de ar mandado, respiradores especiais e outros. No entanto demais Epis como óculos, protetor auditivo, calcados de segurança entendo ser de responsabilidade do empregado manter a limpeza.

Att,

Juliano Martins dos Santos
Engenheiro Eletricista
Engenheiro de Segurança do Trabalho

 


Respondida por Vários autores, em 22/02/2017


Legislação - NR32 (6)

Bom dia,

Vou me manifestar a partir da pergunta da Raquel, sobre a necessidade de higienizar as vestimentas e os calçados dos trabalhadores. Inicialmente, esclareço:

1) Nem as referidas vestimentas e nem os calçados são necessariamente EPIs, portanto a obrigatoriedade de higienização da NR 06 não se aplica a eles;

2) Os calçados podem ser EPIs (mas não é obrigatório que sejam) e jalecos e pijamas nunca são EPIs, contrariamente a aventais impermeáveis (usados em cozinhas, p.ex.) ou macacões especiais, etc. A razão é simples: jalecos e pijamas não conferem proteção eficaz contra os agentes biológicos. Os pijamas tem por função principal a proteção do paciente e os jalecos, bem... o nome correto seria guarda-pó, não dando muita proteção para nada além disso. O
[ + ] Exibir tudo


Respondida por Érica Lui Reinhardt, em 23/02/2017


Legislação - NR32 (7)

[ Riscobiologico.org - Diferentes emails foram agrupados nesta mensagem. ]

 

Prezados

Incluam no Rol que a Erica citou os uniformes dos coletadores de resíduos.

Abs

Dalgisa Benetti

 

.........................

 

Se as pessoas tem dúvidas, porquê num se pergunta a Delegacia do Trabalho ???

Bartolomeu Dias - TST Recife

 

.........................

 

agradeço a Erica pela resposta concreta e de vida real

Mª Raquel dos Anjos Silva Guimarães
Médica Infectologista - CRM 1672
Gerente Assistencial
Hospital Unimed Maceió

 


Respondida por Vários autores, em 24/02/2017


Legislação - NR32 (8)

Uniforme
Bom dia,
Gostaria de saber sobre proibição de uso de "uniformes" (não jalecos) fora do ambiente hospitalar.
O enfermeiro precisa trocar de roupa no trabalho ?
Abçs
Mensagem encaminhada pela colega Gisele


Respondida por Gisele, em 29/03/2017


Legislação - NR32 (9)

[ Riscobiologico.org - Diferentes emails foram agrupados nesta mensagem. ]

Vai depender do Estado, sei que SP, não esta permitido sair do ambiente hospitalar com jaleco. Onde eu trabalho nos lavamos todos os uniformes.
Anderson
Eng°. de Segurança do Trabalho

.........................

Como diz Arnaldo Cezar Coelho: "A regra é clara!"

Não, não pode.

Toda vez que o profissional de saúde precisar se ausentar do ambiente hospitalar, precisará OBRIGATORIAMENTE trocar de roupa.
Já ouviram falar de contaminação cruzada? Pois é. Ninguém acredita, poxa vida.

Sílvio Andrade

 


Respondida por Vários autores, em 31/03/2017


Legislação - NR32 (10)

[ Riscobiologico.org - Diferentes emails foram agrupados nesta mensagem. ]

Bom dia,
Como estas questões são técnicas, então penso que devemos buscar evidências técnicas, retiradas do que se observa de causa e efeito no mundo real. Localizei alguns artigos científicos e recomendações em inglês sobre este tema. Links:
http://webarchive.nationalarchives.gov.uk/20130107105354/http://www.dh.gov.uk/prod_consum_dh/groups/dh_digitalassets/documents/digitalasset/dh_078435.pdf
http://citeseerx.ist.psu.edu/viewdoc/download?doi=10.1.1.519.5470&rep=rep1&type=pdf
http://journals.sagepub.com/doi/pdf/10.1177/1469044607082078
http://ac.els-cdn.com/S0195670107600024/1-s2.0-S0195670107600024-main.pdf?_tid=14643aae-1609-11e7-9876-00000aab0f01&acdnat=1490961571_5be3c5538f45723aa71f9255325b66ab

Não realizei uma busca exaustiva, por isso existem outras referências que abordam o assunto. Mas a vantagem destas que cito aqui é que nelas os autores fizeram um trabalho de revisão de outras informações científicas disponíveis na época, o que permitiu que eles pudessem chegar a conclusões mais ou menos gerais.

Infelizmente desconheço algo assim feito no Brasil.

Vou traduzir alguns trechos da primeira referência que importam para essa discussão.
[ + ] Exibir tudo


Respondida por Vários autores, em 03/04/2017

1 | 2 | 3
Primeira | Última
 
Discussão por email
O que é a lista de discussão?
Formulário
Discussão
 
 


 
 


Riscobiologico.org - Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.          criação: AldeiaCom